Pesquisar este blog

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

O Universo de Um Instante - Interlúdio II

Primeira viagem aos campos de centeio

"...Naquela leda e sonora madrugada
O sol despontava à oeste do leito que ali surgiu
A garota levanta-se, sem entender nada
Como fora parar naqueles campos, com desertos e rios
Do seu quarto e de sua velha vida, só sua cama restava
Não pensou que pudesse estar sonhando,
pois era carne e osso, corpo e alma, razão e coração... Concluiu

Da colina distante, uma criatura veio
Metade homem, metade estrela
Sua forma a mente não conseguia decifrar
Mas ele estava em sua frente e se preparou pra falar
Quando um alto ruído interveio
A conversação e os campos cortou ao meio
Fazendo Carolina para sua outra vida retornar

Aos pés da cama, assustada olhava ao redor
De onde viera, o que aconteceu? O que sentia
Gostaria de voltar e saber o homem lhe diria
Deitou mais uma vez, mas permaneceu acordada e só
A tristeza assolou o resto de seu dia
Mas ela sabia que a noite viria
E aos campos ela tornaria a viajar..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário