Pesquisar este blog

quarta-feira, 29 de abril de 2009

Apenas 18 anos.

Menino quero fazer morada em seus braços
Quero me perder em seus beijos
Quero o teu corpo ardendo junto ao meu
Desejo ser somente seu
Vamos provocar diferentes reflexos nos azulejos
Com seus cabelos loiros iluminados pelo sol
Me perco vendo essa imagem de noite
Menino me leve para debaixo do seu lençol
Quero minhas pernas entre as suas pernas
Quero sentir meu corpo dentro do seu
Vamos mudar a nossa sorte
Na cama não falta cenas
Pêlo com pêlo, as bocas grudadas e respiração ofegante
Venha ser o meu amante
Você rir ao ver o meu olhar devasso te despindo
Mas quero continuar te sentindo
cada toque, cada carícia, cada beijo
Apenas 18, mas tinha a experiência de 40
Corpo de 20 e cabeça de 30
Sem esperar os nossos corpos se encontraram
O errado e o errante se doaram
Se amaram
Quem disse que nossos retratos não se combinam?
É uma questãode foco, de fotografo, de luz
É questão de amor
Menino nunca imaginei que iria gostar tanto do seu corpo nú
As suas mãos que me dominam
Nunca imaginei viver esse tipo de amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário